Atenção: Esse site só pode ser visualizado perfeitamente em um browser que suporta Web Standards. É recomendável que você atualize o seu browser clicando aqui. Obrigado e desculpe o transtorno.
19 set 2017

Estudos desenvolvidos pela APLYSIA são apresentados em congresso internacional

Avaliações baseadas em efeitos das atividades antrópicas no ambiente são essenciais para o correto dimensionamento dos impactos ambientais. Nesse sentido, nos dia 07 a 10 de setembro de 2017, nosso coordenador técnico, Fernando Aquinoga, apresentou no congresso latino americano de toxicologia e química ambiental (SETAC LA) dois estudos ecotoxicológicos desenvolvidos pela APLYSIA em decorrência do rompimento da barragem de Fundão.

O primeiro (Avaliação ecotoxicológica da água do rio Doce após o rompimento da barragem de Fundão) consolidou mais de 1 anos de dados existentes visando indicar qual a potencial alteração provocada pela passagem da pluma de turbidez sobre  os organismos aquáticos ao longo de toda extensão do rio Doce. Já no segundo estudo (Avaliação ecotoxicológica do uso contínuo de coagulantes e floculantes  após o rompimento da barragem de Fundão), foram avaliadas por meio de modernas ferramentas de avaliação de risco ecológico diferentes combinações de coagulantes e floculantes que, ao serem utilizados, reduziriam as concentrações de sólidos na água do rio sem agregar, a longo prazo, efeitos químicos indesejados.